Sabrina Gobbo é pentacampeã brasileira do XTerra Paraty, triathlon off-road

Sabrina Gobbo e Laura Mira (Divulgação)
Sabrina Gobbo e Laura Mira (Divulgação)

O fim de semana foi de comemoração para a atleta Sabrina Gobbo (Trek/Shimano), que venceu mais uma etapa do triathlon off-road, no XTerra Paraty, no sábado (1º) e pode celebrar o título de pentacampeã do ranking nacional da modalidade no Brasil. Sua companheira de Shimano Sports Team, Laura Mira (Squadra Oggi), completou em segundo lugar, mesma colocação obtida por Sabrina na MTB Cup Pro, prova realizada no domingo (2), que teve as vitórias de Daniel Grossi (Team Groove XCO) e Sofia Subtil.

Sabrina Gobbo e Laura Mira (Divulgação)
Sabrina Gobbo e Laura Mira (Divulgação)

Após sair da água atrás das concorrentes, Sabrina fez uma boa recuperação e finalizou os 1,5 km de natação, 27 km de mountain bike e 6,5 km de corrida de montanha do triathlon off-road em 2h31min56seg. Laura Mira chegou em seguida, em 2h36min18seg. “Saí atrás na água, mas no mountain bike consegui alcançar as adversárias, liderando até o final. O circuito da bike estava com muita lama, o que era minha preferência. “Como essa etapa tem muito asfalto, acaba dificultando para todas as atletas”, contou Sabrina, ciclista que tem sua bike equipada com o grupo Shimano XTR Di2 de transmissão de marchas eletrônicas.

Rafael Juriti (Sense Factory Racing) também esteve em ação no triathlon off-road, realizado no sábado. Juriti completou sua participação em quarto lugar, após percorrer as três provas da modalidade em 2h10min15seg. O título ficou com Felipe Moleta, em 2h03min10seg, seguido por Diogo Malagon, em 2h07min28seg, e Rodrigo Altafini, em 2h07min55seg, triatletas que completaram o top 3 da disputa.

Rafael Juriti (Divulgação)
Rafael Juriti (Divulgação)

MTB Cup Pro no XTerra – Os representantes do Shimano Sports Team também obtiveram bons resultados na disputa de mountain bike para os profissionais. Entre os homens, Daniel Grossi venceu a etapa em 1h11min14seg, após pedalar os 44 km do circuito. Sidnei Fernandes e Edivando Souza Cruz completaram o top 3 do pódio. No feminino, o título foi de Sofia Subtil, em 1h33min40seg, quase três minutos à frente de Sabrina. Roberta Stopa completou em terceiro lugar.

Daniel Grossi no topo do pódio do XTerra Paraty (Divulgação)
Daniel Grossi no topo do pódio do XTerra Paraty (Divulgação)

“Larguei e não consegui andar com as rivais, porque estava cansada, principalmente pela corrida do triathlon, no dia anterior. Na trilha final, passei a Roberta Stopa e cheguei perto da Sofia Subtil. Além de ser oficialmente a pentacampeã no ranking do triathlon, fechei a etapa com chave de ouro, subindo outra vez no pódio da MTB Cup Pro”, disse Sabrina.

Sabrina Gobbo no pódio da MTB Cup Pro (Divulgação)
Sabrina Gobbo no pódio da MTB Cup Pro (Divulgação)

Paulista de BMX Racing – Representante do Brasil na Rio-2016, a sorocabana Priscilla Stevaux encerrou neste fim de semana sua temporada de provas em 2018. Stevaux venceu a última etapa do ano do Campeonato Paulista de BMX Racing, em Indaiatuba (SP), utilizando em sua bike o grupo XTR da Shimano, específico para a prática do BMX.

Stevaux pódio do Paulista de BMX (Gabriel Querichelli / Brasil BMX)
Stevaux pódio do Paulista de BMX (Gabriel Querichelli / Brasil BMX)

Novidades Shimano – Em 2018, a Shimano fez o lançamento do tradicional grupo de ciclismo de estrada 105 R7000, totalmente remodelado: são novas tecnologias herdadas do Dura-Ace, alavancas de STI adequadas para mãos menores (de mulheres por exemplo) e freio a disco hidráulico – finalmente regulamentado pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). Vale destacar que o ciclismo de estrada é uma modalidade bastante praticada por atletas de MTB, como complemento aos treinos.

Também neste ano, a marca lançou o XTR M9100 e atendeu ao pedido dos fãs com a configuração de 12 velocidades, trazendo muitas outras inovações. O grupo apresenta um cassete totalmente inovador com pinhões de amplo alcance de 10-45D ou 10-51D, freios com 2 ou 4 pistões, e um novo cubo com a nova tecnologia Shimano Micro Spline. Um novo projeto de configuração de freios e alavancas, que permite ao ciclista posicionar seus comandos, incluindo a alavanca de canote retrátil de selim “dropper post” XTR, em uma situação otimizada para máximo conforto e acionamento rápido.

FONTE SHIMANO
Sobre Equipe blogbikebazar 172 Artigos
Somos um grupo de amigos da cidade de São Paulo, apaixonados por bikes, ciclismo e triathlon. Pedalamos há mais de 16 anos e queremos compartilhar com vocês, ciclistas iniciantes e profissionais, nossas experiências adquiridas!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*